terça-feira, 9 de setembro de 2008

Refletindo o símio

Olá, meninos, (vejam sou a primeira mulher convidada no blog, que honra!). Cá estamos para conversar um pouco mais sobre nossa terra e nossa gente. O nome do blog mais que sugestivo leva-nos a refletir sobre o bicho escolhido: o símio. A figura do macaco sempre exerceu uma espécie de fascínio e simpatia no humano. Fascínio pela “inconfundível semelhança” e simpatia pela capacidade de provocação e imitação, além da ternura que emana destes. Por pior que fosse King Kong na tela do cinema ou na TV, a torcida era para ele. Mas no caso específico, aqui no blog, o símio aparece às vezes como esperto, brincalhão, imitador, caricato, maroto, feio, astuto, amigo. Às vezes, em situações anedóticas, menosprezando ou super-dimensionando suas verdadeiras características comportamentais. Mas o nosso símio também tem lá suas muitas virtudes, pois aparece em muitas culturas religiosas, em países como a China, Índia e Japão, com características mais míticas e repletas de significados: como conciliação, harmonia e sabedoria. Assim, como recomendação, fica aqui um provérbio muitíssimo conhecido: “cada macaco no seu galho”. Se vamos viver em grupo, a convivência deve ser benéfica e cada um dos participantes encontrar seu papel nessa rede social , de forma a preservar a harmonia e a coesão do blog. Se vocês não sabem, o porquê do provérbio, ele indica que “os macacos fazem escândalos quando um invade o espaço do outro e muito macaco num galho só, quebra”.
Carolina Galdino, terça, 9 set.2008

11 comentários:

Mauro Cardin disse...

Bem-vinda, Carolina!

Bruno Pinto Soares disse...

Olá Carolina!

Ótima metáfora. ótima análise.

Precisávamos de uma visão ampla e conciliadora que, talvez, só uma mulher poderia nos dar.

Tem muito símio aqui sentindo seu espaço invadido. Espero que percebam que há espaço para muitos em Adamantina.

Ah, obviamente, precisamos, também da evolução, para deixarmos a caverna e caminhar na direção do progresso!

abraço

Mauro Cardin disse...

O nome do Fábio Ortega não está mais na lista de colaboradores do blog. Há algum equívoco?

Everton Santos disse...

Bem-vinda. Excelente texto!

Mauro Cardin disse...

Everton, não consegui acessar seu blog. Tentei várias vezes o endereço www.jornalalternativo.blogspot.com,mas não dá certo.

Londrina disse...

Cara amiga.
Não se engane com as boas vindas, nesse espaço primeiro vem as flores e só depois as pedradas.
Boa sorte.

Jé Theodoro disse...

Cara colega.
Não se preocupe com o comentário do nosso colega Londrina, ele anda um tanto arisco...
Apoio o seu ponto de vista, e desejo-o para o nosso próprio bem.
Seja bem vinda!

Londrina disse...

Cadê o índio Jaragua?
Será que ele está em alguma oca escura? kkkkk

Anônimo disse...

"Mas no caso específico, aqui no blog, o símio aparece às vezes como esperto, brincalhão, imitador, caricato, maroto, feio, astuto, amigo." kkkkkkkkkkkkkkk segundo a autora "simius sumus".

Everton Santos disse...

Amigos, o endereço do meu blog é http://livrejornalismo.blogspot.com

Acessem!

Abraços

Indio Jaragua disse...

Grande macaco Gibão, somente observo, para poder degustá-lo na maneira mais conveniente.